Publicado por: ministriodeusfiel | 08/05/2017

Adorando ao Rei – “Seu papel a desempenhar”

Deus está nos chamando para sermos mais do que um destinatário do ministério. Ele tem nos chamado para sermos ministros da Sua graça. Ele nos criou para a ação, para a glória, para a vitória, para o poder, e para Si mesmo.

Romanos 15:15 e 16.

QUEM SOU EU?

Se alguém nos perguntar quem nós somos, o que será que diríamos?

Saber a nossa identidade é a principal motivação para cada ação que tomamos em nossas vidas. Quando sabemos quem nós somos, tudo muda. A maioria das pessoas acredita que sua função determina sua identidade, ou seja, aquilo que ela faz é que determina quem ela é.

Não é o que fazemos que define a nossa identidade; pelo contrário, a nossa identidade é que deve determinar e guiar aquilo que fazemos.

Deus não quer só usá-lo. Ele quer conhecer você e Ele quer ser conhecido por você. Porque? Porque Deus te ama! João 3:16.

O coração religioso diz: “Eu tenho que fazer meu dever, a fim de ser de valor para Deus”. A adoração é o oposto da religião. O coração adorador diz: “Jesus provou que eu sou de valor para Deus. Eu sirvo/faço porque Ele também é de valor para mim”.

A religião nos ensina que a nossa função determina o nosso valor e a nossa identidade (eu sou porque eu faço). Adoração nos ensina que a nossa identidade determina o nosso valor e a nossa função (eu faço porque eu sou).

E quem eu sou? Deus determina a nossa identidade, ensinando quem realmente somos. Cada um de nós salvos, somos sacerdotes do Deus altíssimo para oferecer sacrifícios espirituais aceitáveis para Deus e declarar os louvores de Deus, que te salvou e te libertou!

I Pedro 2:5 e 9.

Quem é você? EU SOU UM SACERDOTE.

Você é um sacerdote porque você é um filho de Deus. Sacerdotes são feitos para adorar a Deus e ajudar outras pessoas a adorar a Deus.

O QUE EU FAÇO AGORA?

1. PREPARE UM LUGAR DE ENCONTRO

Números 1:49-53 – São dos sacerdotes a responsabilidade de criar, separar, transportar, guardar e assistir ao ministério do tabernáculo. Sacerdotes mordomos do tabernáculo.

A palavra tabernáculo significa simplesmente “tenda”. É o lugar que Deus separou e consagrou como um lugar de encontro entre Ele e Seu povo.

Como um sacerdote, você é mandado para levar o ponto de encontro com você. Você se tornou uma caminhada, um tabernáculo respirante, uma casa espiritual, um lugar para reunir Deus e os homens. Que honra!

2. LEVE A PRESENÇA

Deuteronômio 10: 8 e 9 – A Arca da Aliança representa a presença de Deus na Terra, o trono de Deus entre o Seu povo e a glória de Deus. Se você é um sacerdote você tem que levar a presença e a glória de Deus.

II Coríntios 5:20 – Isso é o que um sacerdote é – um embaixador de Cristo. Você leva a Arca de Deus: a Sua autoridade, Seu poder e direito para o mundo ao seu redor.

Você carrega em seus ombros a Glória de Deus. As leis do mundo já não têm influência quando um embaixador de Deus impõe seu reinado, as Suas leis, e sua autoridade naquele lugar.

3. MINISTRAR PARA DEUS

Deuteronômio 10:8 – “a fim de ministrar”

Esta parte do nosso trabalho chega a essência do que é adoração. Simplesmente adoração não é para nós. É para Deus. Adoração não é sobre os meus gostos ou preferências.

Adoração é ministrar para Seu prazer, Seu coração, Sua opinião, Seus gostos e Seus desejos. ADORAÇÃO É PARA DEUS. Na sua essência, a adoração é o ministrar para o Rei. E é para isto que você foi feito.

Sacerdotes cortejam o coração de Deus e quando ministramos a Deus, Ele vem. Ele está entronizado entre os louvores de Seu povo. E onde Deus está tudo é possível. Quando ministramos para Ele, Ele aparece e ministra pra nós.

4. ABENÇOE AS PESSOAS

Quem ama Deus, ama o que Ele ama. João 3:16.

Abençoar é mudar o destino das pessoas. É um trabalho do sacerdote de ver o mundo não como se mostra a olho nu, mas como ele se mostra através dos olhos de Deus.

Como um sacerdote, Deus tem lhe dado o direito de falar de vida e destino com os outros. Uma palavra autêntica de bênção nunca deixa uma pessoa onde ela se encontra. Sempre desenvolve as pessoas.

CONCLUSÃO

Ele não estava apenas levantando uma Noiva para o Seu Filho; Ele estava ordenando um sacerdócio para o Seu mundo.

Quando Jesus, o Sumo Sacerdote do Céu, comissionou os Seus discípulos, Ele os treinou para ser sacerdotes, e os enviou para se reproduzirem em todos os lugares que fossem, para transformar um mundo perdido em um reino de sacerdotes, adoradores.

Seja um tabernáculo, Deus ministrando, levando a presença, sacerdotes abençoando pessoas. O mundo que está morrendo está esperando que você se levante.

SEJA UM SACERDOTE DO DEUS ALTÍSSIMO E DESEMPENHE O TRABALHO QUE DEUS TE ORDENOU.

Para refletir:

  • Você tem preparado um lugar de encontro e levado a presença de Deus aonde quer que esteja?
  • Você tem abençoado pessoas mudando o destino delas?
  • Como sacerdote, você entendeu qual o seu papel e o seu chamado?

Palavra ministrada pelo Pr. Rodrigo Winter no dia 07/05/2017

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: