Publicado por: ministriodeusfiel | 28/04/2013

Não farás para ti imagens de escultura

Ministério Deus é Fiel

“Em busca de imagens vazias”

Êxodo 20:4-6

O que você acha que uma esposa diria ao seu marido se encontrasse sua carteira aberta em cima da cômoda certa manhã e visse uma foto de outra mulher atraente ao lado da dela?

Pensa que continuaria acreditando nele quando sussurrasse em seu ouvido que a ama de todo coração? Acha que teria razão em sentir repulsa por essa imagem em sua carteira? Poderia culpá-la se quisesse confrontá-lo ou rasgar a foto em centenas de pedaços? Poderia culpá-la por sentir ciúmes ou mágoa, ou ficar zangada por ter de compartilhar seu amor e dedicação com outra?

Quantas perguntas bobas, não é? Ela é sua esposa. Tem todo o direito de esperar e até de insistir em que o marido se guarde para ela e só para ela? Este é o espírito do segundo mandamento.

O Senhor espera ou exige demais? Claro que não Ele é o nosso Deus. É uma questão de amor, de relacionamento. Uma mulher não quer rivais no amor de seu marido. O nosso Senhor também não. Seu amor por nós não muda com as estações e os anos. E o seu por Ele?

Nosso relacionamento com o Senhor é também para a vida inteira – e para a vida após a vida. O compromisso que mantemos com Ele é eterno e Deus leva muito a sério. Deus talvez esteja dizendo isto para nós: “Tomei um compromisso pessoal contigo. Jamais o deixaria por outra pessoa. Peço, então, que faça algo da sua parte. Não ponha nada entre nós. Não coloque outras imagens mais próximas do seu coração. Não ceda o Meu lugar a ninguém”.

Deus tem condições de satisfazer cada uma de nossas necessidades, não precisamos procurar qualquer deus falso para nos dar consolo, estímulo ou satisfação interior.

1. Quais são estas imagens?

1 João 5:21

O que são essas “imagens”, em nosso mundo de hoje, que surgem para desafiar o nosso laço de amor com o Filho de Deus? Quais as fotos que poderíamos ser tentados a emoldurar em nossa escrivaninha junto com a fotografia dele? De quem são essas “fotos em nossa carteira” que podem nos afastar gradualmente de um andar sincero com Cristo?

Mateus 6:24

As coisas materiais, talvez? Na ocasião, Jesus estava falando de um espírito materialista que entra na alma e exige nossas energias e dedicação. Também poderia ser poder, prazer, fama, status, etc.

Quando todo o propósito da minha vida é perseguir uma dessas imagens, já escorreguei para a idolatria. Dei-lhe o melhor do meu tempo, talento, tesouro e energia. Toda a minha vida está investida nisso. O deus é isso, quando você adora a um deus, basicamente entrega sua vida a ele.

Estamos cercados de mais imagens do que em qualquer época da história do mundo. As imagens e suas ofertas enganosas atravessam o mundo por meio de satélites, cabo, internet e impressão a quatro cores. Elas nos observam nas bancas e capas de revistas. Nos chamam mediante poderosas impressões visuais na televisão com o objetivo principal de “capturar” o maior número de pessoas possível.

Capturar o quê? Nossa atenção. Nosso interesse. Nosso dinheiro. Nosso tempo. Nossa dedicação. Há algo de errado em desejar um carro novo? Há algo de errado em querer usar roupas atraentes, da moda? Há algo de errado em querer o sucesso nos negócios? Há algo de errado em querer ser um fã leal do esporte? Não. Mas qualquer dessas coisas, ou uma centena de outras, pode tornar-se um ídolo para nós, à medida que controla nossos pensamentos e desejos.

2. Como estas imagens podem nos afetar?

As Escrituras dizem que essas falsas imagens também nos afetam a longo prazo, nos tornando como aquilo a que adoramos. O Senhor sabe que, no decorrer do tempo, vou descobrir que essas coisas, que não tem valor aos olhos de Deus, me farão sentir do mesmo modo: sem valor, sem qualquer mérito. Ficarei com as mãos vazias e insatisfeito.

Salmos 135:15-18

Deus sabe que, em algum ponto, serei dispensado por esses falsos amantes, ficarei sozinho na estrada em algum lugar estéril, deserto. Ele sabe que as imagens oferecidas pelo mundo não valem nada. Os falsos deuses só irão tirar cada vez mais coisas de nós. A Bíblia nos diz que os deuses deste mundo nos desviarão. Nos levarão para onde Deus não quer que estejamos. Vão nos usar, nos sugar e depois nos repelir.

Os deuses deste mundo têm pés… mas não podem chegar até você quando necessita. Eles têm mãos… mas não vão levantar um dedo quando você estiver em dificuldades. Tem olhos… mas não vêem o seu coração ou o que está acontecendo em sua vida. Tem ouvidos… mas não ouvem você gritar quando está solitário, com medo ou desesperado.

As falsas imagens do mundo prometem coisas, apelam para as emoções, parecem tão desejáveis, tecem um lindo sonho, mas quando participa delas, acaba com a mão cheia de nada.

No final, quando tudo acabar, tudo que fizermos em nome de Jesus produz fruto cem vezes maior. Todo tesouro que ganharmos a Seu serviço brilha com beleza perene a espera para nos apossarmos dele. Cada vida que tocamos em Seu nome provoca uma reação em cadeia que alcança a eternidade.

Por que eu iria perder tempo perseguindo sombras, miragens do deserto e reflexos no espelho? Por que iria servir outros senhores que não são absolutamente senhores, não se importam comigo e nunca se importarão?

Só há lugar para um Senhor no meu e no seu coração. Seu nome é Jesus.

3. Por que Deus é zeloso?

Satanás o enganador, tem estado no negócio da imagem há seis mil anos. Tem tido tempo e motivação para trabalhar duro em seu ofício e refinar seus métodos. Sabe muito bem o quanto as imagens que tece podem ser poderosas e embriagadoras e que efeito devastador podem produzir nas vidas humanas. Sabe como os falsos deuses podem desviar homens, mulheres e adolescentes do Deus vivo e verdadeiro que os ama, a fim de correrem atrás de sombras e ilusões vazias.

A verdade é que por trás de cada ídolo, cada imagem falsa, cada culto cristão falso, há um demônio, um agente de Satanás para enganar, desviar e eventualmente destruir os seus adoradores.

1 Coríntios 10:19, 20

Deus tem razões muito claras para pedir-nos que O coloquemos em primeiro lugar: na eternidade iremos refletir a glória de Jesus. E aqui, em nossa curta passagem pela terra, sabe que o Seu amor tem o poder de moldar-nos e livrar-nos.

Este mandamento diz que a maneira como respondemos a este mandamento não somente nos afetará, mas também marcará a vida dos que no seguirão, até a terceira e quarta geração. Isso não significa que por causa do pecado de uma pessoa seus filhos e netos serão castigados. A ênfase da Escritura está sempre na responsabilidade pessoal. Não importa o que seus pais ou avós tenham sido, você não vai responder pelos pecados deles. Mas, para o bem ou para o mal, você será afetado pelas decisões que eles tomaram na vida.

Se você é indiferente às coisas do Senhor, se cede continuamente às sugestões da carne, se tem um caso de amor com o materialismo e com o impulso de adquirir coisas a qualquer preço, se for atrás de imagens vazias e ocas pelo resto da sua vida, as conseqüências para seus filhos serão grandes.

Mas Ele dá também o lado positivo da moeda. Se nos inclinarmos humildemente diante dEle e O colocarmos antes de tudo o mais, milhares de pessoas serão afetadas pela justiça em nossas vidas, muito mais do que podemos enxergar, de nossas expectativas ou sequer de nossa imaginação.

Cada um de nós deixará uma ”imagem“ de uma ou outra espécie quando deixarmos a terra – no sentido de que outros irão lembrar-se de nós de um modo específico. Que tipo de imagem você quer que seja a sua?

Deus declara que é um Deus zeloso ou ciumento. Tem muito ciúme de cada um de nós. Ciúme significa algo muito diferente para Deus do que pode significar para nós. Não é certamente um sentimento temperado por mesquinharia, egoísmo ou insegurança.

Deus nos conhece, sabe e quer o que é melhor para nós e para aqueles que amamos. E não quer que nada – ídolo, imagem, deus falso ou toque divino falsificado – interfira na nossa realização.

O zelo de Deus sugere que Ele se importa tanto conosco que está sempre nos vigiando. Sabe como estamos vivendo, onde vamos e o que estamos pensando momento a momento. Não nos observa por estar sempre à espera de que cometamos um erro ou para apanhar-nos em alguma falta, mas porque quer o melhor para nós.

A mãe vigia o filho quando está brincando, não por estar procurando meios de sufocá-lo ou arruinar sua vida, mas porque não quer que ele seja atropelado por um carro, que se machuque ou que seja vítima de um sequestrador ou molestador.

Existem sequestradores e molestadores espirituais à solta em nosso mundo. Gostariam de agarrar-nos quando somos ainda jovens, roubar a nossa inocência, esmagar nossa esperança, machucar-nos profundamente e pôr-nos de lado quando estivermos arruinados e gastos. Assim como a mãe é zelosa pelo bem-estar do filho, Deus zela por nós.

Por causa dessas coisas, Ele é ciumento. Tem ciúmes quando nos aproximamos das imagens falsas e destrutivas. Ele pode ver o resultado de cada uma de nossas ações, não só em nossa vida, como também na vida de nossos filhos e dos filhos deles até a eternidade.

Aquele que sabe o começo e o fim tem ciúmes de nós, desejando que cada ato, pensamento, ou decisão conduza à vida, alegria, fruto e promessa.

Efésios 5:15-17

Estamos vivendo uma geração que abandonou Deus e está comprometida com os mesmos ídolos de que fala a Escritura: deuses que exigem tudo e não dão nada. Como Deus deve sofrer ao pensar que ofereceu de graça a água viva e sempre fresca, mas fizemos outra escolha, preferimos cavar nossa própria cisterna. Procuramos nossa própria água e fazemos isso a nosso próprio modo. Aquilo que pensamos que iria manter-nos, sustentar-nos, satisfazer-nos, estará seco no momento em que mais precisarmos.

Jeremias 2:12, 13

Deus tem ciúmes de nós porque nos ama. Todavia, Ele nos deu livre-arbítrio. Permitirá que corramos atrás de ídolos vazios e falsas imagens pelo resto de nossa vida.

Pr. Mario Pacheco Neto – 28/04/2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: